Telefone Nativa

Ligue para a Nativa
21 2461 1037

09:29 quinta-feira,
02 de julho de 2015
No ar:
Ao Vivo

A Nativa na Rede

Facebook
Twiter
You Tube
Instagram

Programas

Previsão do tempo

Rio de Janeiro

02/07 Qui

Máx.
28°

Min.
18°

Sol com muitas nuvens. Pancadas de chuva à tarde e à noite.

03/07
Sex

máx: 33°

mín: 16°

04/07
Sáb

máx: 27°

mín: 15°

05/07
Dom

máx: 20°

mín: 13°

O Mundo Sertanejo

Matheus & Kauan

 

Matheus e Kauan são irmãos e nasceram em Goiás. Só por isso já dava para imaginar que formariam uma dupla sertaneja, não é mesmo?! Mas não foi bem assim que aconteceu. Kauan tem 26 anos e cresceu ouvindo seu pai cantar e tocar. Aos quinze gravou seu primeiro disco solo e logo depois tentou formar algumas duplas que não deram certo. Já era um sinal do destino. Após morar um ano nos Estados Unidos, Kauan voltou ao Brasil e descobriu que seu irmão, Matheus, tinha um talento enorme para cantar e compor. Não demorou muito para começarem a cantar juntos e em 2010 a dupla estava oficializada.
 

Vários artistas já se renderam ao talento de Matheus e Kauan e gravaram composições suas, entre eles estão: Jorge e Mateus, Gusttavo Lima, Michel Teló e Paula Fernandes. Para Matheus 2014 foi muito especial para a sua carreira de compositor, ele ganhou o prêmio Multishow de “Melhor Música” com a canção “Tudo o que você quiser” gravada por Luan Santana. É muita moral para um jovem de apenas 20 anos.
 

O segundo DVD da dupla, gravado ano passado, contou com a requintada participação da Orquestra Sinfônica Villa Lobos, e o resultado foi muito bom. O sucesso “Que Sorte a Nossa” é a atual música de trabalho, abaixo você confere o clipe.

Vídeo

Matheus e Kauan - "Que sorte a nossa"



Fotos

AMIGOS DO FREDERICO

AMIGOS DO FREDERICO

MEU CANTINHO

MEU CANTINHO

Mensagem do dia

Anterior Próxima 

26-06-2015

Acessando seus recursos.

Cada um de nós possui os recursos necessários para superar qualquer problema e tomar o controle da própria vida. Não precisamos de ninguém para resolver os problemas por nós – necessitamos de pessoas que nos ajudem a localizar dentro de nós mesmos os recursos necessários para resolver o problema.
Um velho provérbio chinês diz:
“Dê um peixe a uma pessoa faminta e ela o comerá uma vez. ensine-a a pescar e ela comerá pelo resto da vida”.
Muitos de nossos medos e limitações foram formados durante a infância.
Você, por exemplo, pode ter se impressionado com um adulto autoritário e se sentido minúsculo em comparação a ele. mas, mesmo depois de adulto, você continua sendo influenciado pela autoridade, como se a parte que teve medo naquele momento fosse sempre estar ligada ao passado.
Para se livrar desse medo, converse com a criança que continua dentro de você e diga a ela que agora já é adulta, totalmente crescida, e que não tem mais nada a temer.

 



Envie para seu amigo








Galo Frederico